Netshoes – Doe suas calorias

Em 2014, fizemos uma ação legal à beça para a Netshoes.
Foi o “Doe Suas Calorias”, ação interna em que pusemos os colaboradores pra fazer esportes nas unidades da Netshoes 🙂
As calorias gastas pelos funcionários nas esteiras da Netshoes eram contadas e “transformadas” em doação da empresa para a ADD.

A ação, além de muito divertida, foi um sucesso! Dá uma olhada:

 

A homenagem dos Cavs a LeBron James

Na semana passada, Lakers e Cavs se enfrentaram pela NBA.

O jogo marcou o retorno de Lebron James à Cleveland, e Bron foi recebido de uma forma que ele dificilmente vai esquecer.

Dá pra pensar no cenário: LeBron trocou os Cavs pelos Lakers nessa temporada, e uma recepção hostil por parte dos fãs não seria fato inédito. Só que a ligação de LeBron com as suas origens vai muito além das quadras: no ano passado, através da LeBron James Family Foundation, ele anunciou a criação da I Promise School, uma escola pública para as crianças de Akron. “Eu sei de tudo que essas crianças passam. Se eu tenho a estrutura e os recursos financeiros para ajudá-las, por que não?”.

Atitudes como as de LeBron mostram o significado de um ídolo, e o quanto essa idolatria não precisa estar necessariamente ligada aos resultados do atleta em quadra. Uma das partes mais legais do vídeo abaixo diz, em tradução livre: “Obrigado por tudo o que você fez em quadra. Mas todos nós sabemos que isso é maior do que o basquete”.  Ao mesmo tempo, mostram o caminho inverso: você pode ser um grande jogador, pode ganhar títulos, e mesmo assim não se tornar um ídolo.

Prova de tudo isso é a forma com o qual LeBron foi recebido pela franquia e pelos fãs do Cavs, no jogo da semana passada, que você pode ver no vídeo abaixo.Vale demais o play: #LeBronJames #NBA

 

Por que é mais do que um jogo?

Quem não gosta de esporte (bom sujeito não é )muitas vezes não entende o que exite de tão maravilhoso nele. Não importa necessariamente a modalidade: todas elas contam histórias que ninguém mais consegue contar.

Quer um exemplo?

Roy Prentice, 94 anos. Torcedor fanático do Notts County, da Inglaterra, e sofrendo de demência.
Roy tinha um sonho de marcar um gol no estádio de seu clube e, no último sábado, pôde concretizá-lo, ao lado de sua família.

Dá uma olhada e se arrepia:
#DementiaIsATeamGame